Tag Archive for alimentação

Alimentação na fase pré-escolar

Dos 2 anos de idade até os 6 é a fase pré-escolar da criança e vai ser o primeiro contato que a criança vai ter com refeições longe de casa, através da escola. Esse contato inicial da criança com a escola é fundamental e é nesse contato que a criança aprimora suas preferências.

Por isso é essencial incentivar bons hábitos alimentares nessa fase da vida para estimular uma vida saudável, pois a criança quando entra em contato com a escola, ela pode ingerir alimentos que antes não faziam parte de sua dieta. Como, guloseimas, doces e bebidas de alto valor calórico.

É muito importante que a família incentive bons hábitos alimentares para a criança e estimule a criança a ingerir alimentos que estimulem a inteligência delas, realize suas refeições no mesmo horário. É aconselhável não ingerir alimentos industrializados (congelados, embutidos), pois não possuem uma quantidade boa de nutrientes necessárias para a fase de crescimento da criança.

Deve-se respeitar o horário da criança para a alimentação, pois nem sempre as crianças tem a necessidade de alimentar-se nas mesmas horas que os adultos. Mas não é bom deixar de estabelecer horários para a alimentação saudável.

Nos lanches para levar a escola é muito importante incluir alimentos que contenham carboidratos (cereais, biscoitos, pães), suco de frutas e frutas e um alimento lácteo como um achocolatado. Vale lembrar que uma lancheira térmica seria essencial para os alimentos não estragarem.

Não é necessário colocar todos estes alimentos em uma única refeição, pois a criança não deve comê-los todos de uma vez. Intercale-os durante o dia nos intervalos das principais refeições. Deve-se haver um cuidado não só com a higienização dos lanches, mas com todos os alimentos da criança, no preparo e no consumo.

Cuidado!

O exagero no consumo de guloseimas, doces, refrigerantes e alimentos gordurosos contribuem para o aparecimento de doenças crônicas não transmissíveis (obesidade infantil, diabetes, hipertensão).

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Alguns passos para melhorar a alimentação do idoso


Enquanto que alguns jovens estão sempre a reclamar de dores e problemas de saúde, podemos identificar pessoas já idosas que parecem ter uma vida bastante feliz e tranquila. E é bem provável que a alimentação de cada uma dessas pessoas seja o seu diferencial. Então a busca por uma alimentação equilibrada pode ser o melhor meio para conseguir uma vida mais agradável e sem surpresas ruins – no presente e no futuro. Que tal então discutirmos alguns passos para melhorar a alimentação do idoso que qualquer um pode aplicar em seu dia-a-dia?

Um primeiro passo importante para uma terceira idade mais saudável é a redução do consumo de sal nas refeições. Pois apesar do sal dar um sabor excelente às nossas refeições, em nosso corpo ele pode ser um vilão, uma vez que seu consumo exagerado por levar à retenção de líquidos, aumentando nosso peso, e a problemas quanto à pressão arterial. Então uma forma de reduzir a retenção de líquidos bem como o risco de uma hipertensão arterial é reduzindo o consumo de sal.

É bom evitar álcool e fumo tanto quanto for possível. Não há benefícios significativos no consumo dos mesmos que justifique a manutenção de tal hábito que, muitas vezes, transforma-se em um vício que poderá prejudicar completamente sua vida. Além disso, certas doenças podem ser causadas por meio de suas substâncias, como a cirrose hepática e o câncer pulmonar.

E se quer realmente ter uma boa saúde mantenha-se bem hidratado! A hidratação é importante para assegurar o bom metabolismo e a execução adequada de todas as nossas funções vitais e locomotoras. O recomendado é o consumo médio de 1,5 litros de água por dia. A melhor hora para a ingestão de líquidos é entre as refeições.

Certos alimentos devem ter seu consumo moderado, principalmente na terceira idade, como é o caso da ingestão de alimentos de origem animal gordurosos, que podem levar ao aumento do colesterol LDL. E apesar de ser recomendado o consumo de gordura de origem vegetal, o mesmo também não deve ser feito de forma indiscriminada, limitando-se a uma porção diária.

A redução no consumo de alimentos industrializados também é um passo importante na manutenção da saúde. A glicose e o sódio presentes em grandes concentrações nos refrigerantes, por exemplo, podem trazer malefícios para o nosso corpo. Frituras e outros alimentos industrializados doces são geralmente ricos em gordura, o que não é bom para o nosso corpo.

Ter uma terceira idade saudável não deveria ser um grande mistério, desde que se atente aos cuidados com a sua alimentação. Apresentamos somente alguns passos, porém há muitos outros que podem ajudá-lo a ter uma alimentação muito mais saudável.

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS