Giga Mundo – Saúde

Sua fonte de informação sobre saúde na Internet!

Giga Mundo – Saúde Distúrbios e Doenças Peste bubônica ou Peste Negra

Peste bubônica ou Peste Negra

É uma das doenças mais perigosas e mortais que já acometeu a humanidade. Trata-se de uma doença pulmonar bacteriana provocada pela Yersínia pestis, presente nas pulgas de roedores.

No século XIV, a Peste Negra dizimou muitas vidas na Europa. A doença, também conhecida como Peste Bubônica ceifou aproximadamente um terço da população europeia. Senhores feudais, reis, servos, príncipes, padres e trabalhadores foram vítimas da peste. A doença não escolhia cor nem classe social.

Junto com os navios de comércio, muito comuns na Europa, vinham muitos ratos. O continente, que cada dia se industrializava mais, tinha as ruas cheias de lixo, além do esgoto a céu aberto, que eram condições mais que favoráveis para que os roedores se multiplicassem rapidamente.

Na época, a Peste Negra foi tão devastadora que não havia caixões suficientes e nem espaço nos cemitérios para enterrar tanta gente que morria. As pessoas mais humildes geralmente eram sepultadas em covas rasas, enrolados em um pedaço de pano.

O preconceito contra a Peste Negra era grande, especialmente a Igreja Católica, que na época perseguia os cientistas que tentavam buscar a cura para essa enfermidade e os tachava de bruxos. Mas, além disso, os próprios familiares das vítimas eram preconceituosos, pois costumavam abandoná-las em locais afastados de suas casas ou na floresta, deixados a sua própria sorte.

Causas

A Peste Bubônica é transmitida ao ser humano através da pulga de roedores, coelhos e esquilos. Os infectados, caso não sejam tratados, falecem em 48 horas após o início dos primeiros sintomas. Mas, ainda que a peste seja tratada, ela possui uma taxa de mortalidade em torno dos 15%.

A doença é contagiosa, por isso ela pode ser transmitida através da tosse ou espirro da pessoa doente. Ao contaminar os humanos, a Yersínia pestis se espalha através do sistema linfático, onde ela se multiplica pelo organismo e provoca danos.

Sintomas

  • Febre alta
  • Bulbos (manchas azuladas na pele) com pus, que são conseqüências da destruição da hemoglobina humana
  • Tosse com presença de sangue e expectoração purulenta
  • Confusão mental e delírios
  • Diminuição da coordenação motora
  • As hemorragias que se formam na pele causam manchas escuras (por isso a doença é chamada também de Peste Negra). Podem ocorrer nos pulmões, causando a sua infecção
  • Gânglios linfáticos hemorrágicos
  • Hemorragias em diversos órgãos, que leva o doente a óbito

Diagnóstico

A detecção da Peste Negra é feita a partir de amostras do líquido dos bulbos (pus) que aparecem na pele ou do sangue, através de uma análise bioquímica do material.

Prevenção

A melhor forma de evitar a doença é exterminar os ratos e outros tipos de roedores. Os doentes são isolados durante um período de seis dias.

As medidas de higiene são a principal arma para evitar a doença.

Por Danielle Batista

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

TopBack to Top